Off Sight | Regresso a Sintra e um novo olhar num espaço velho

off_sight_rosa_cover_meeksheep

O mês passado participei pela primeira vez no Off Sight, a continuação de um projeto fotográfico que nasceu como 6 on 6 e que, eventualmente, se transformou num novo desafio. O objetivo mantém-se: treinar a arte que é captar imagens e partilhar a sua história. Regressei, por isso, a Sintra e à busca por lugares abandonados.

Aproveitei um sábado de manhã para voltar a encontrar-me com a Marta e a Margarida e, faltando a Lúcia, juntou-se a Catarina e uma amiga minha que, estando cá de Erasmus, quis conhecer um pouco mais de Portugal.

Desta vez começámos logo por uma casa, de fachadas cor de rosa desbotadas, localizada numa rua principal e suficientemente movimentada para nos deixar um pouco desconfortáveis. Passámos por cima de uma pequena cerca de metal, pintada a verde, mas entrámos, sem qualquer dificuldade, pela porta da frente, que estava aberta.

Não existiam objetos pessoais no seu interior, nada que nos contasse uma história. Penso que talvez as fotografias que tirei possam contá-la por mim. Havia, contudo, um pássaro em decomposição no seu interior. Acho que todas o fotografámos. Cheguei a pensar que o mostraria. Acobardei-me porque é mórbido e não faz sentido partilhar a sua morte. Partilho antes a vida de um outro, que parecia estar à espera.

off_sight_pombo_meeksheep

Embora estivesse praticamente vazia achei piada à casa de banho ser muito cor-de-rosa. Quem escolheu a decoração era (ou é) certamente muito feminino. Por outro lado, a degradação espelhada no pó e nos detritos de paredes, louças e vidros, espalhados por toda a casa.

off_sight_banheira_meeksheep

off_sight_detritos_meeksheep

Antes de escolher as fotografias, fiz um esforço para pensar que casa abandonada, das poucas que já fotografei, queria partilhar este mês. Esta que vos trago não é de todo a minha preferida. Gosto especialmente daquelas em que encontro mais janelas e focos de luz. Ainda assim consegui registar dois momentos iluminados dos quais me orgulho.

off_sight_janela_meeksheep

off_sight_luz_meeksheep

Infelizmente não sei o nome da rua nem o nome, se é que o tem, da casa. Mas se alguém a reconhecer pelas fotografias, gostaria muito de saber.

Não se esqueçam de passar pelos blogues das fundadoras | a Marta do Viver a Viajar, as Catarinas do Joan of July e do A Girl in Mint Green, a Vânia do Raining Days and Mondays e a Joana do Jijie das outras convidadas, a Margarida do Leves e Ausentes, a Bela do Espiral em Flor e a Marta do FashiONoir.