Bloggers Camp | Como tudo aconteceu

bloggers-camp-2017-joana-sousa-jiji (32)Eu | ph. Joana Sousa

Este ano, depois de saber que seria possível pagar de forma faseada, decidi participar finalmente no Bloggers Camp, um encontro nacional de bloggers que passou agora pela terceira edição. Foi um fim de semana inteiro de workshops e apresentações, mas sobretudo de networking genuíno, com mais de 40 pessoas a partilhar experiências, conselhos, sugestões e elogios.

Já vos falei sobre cinco (das muitas) lições que aprendi em apenas dois dias, mas há todo um roteiro de experiências e aprendizagens para partilhar. Para mim tudo começou no pré-encontro, num dia qualquer de maio, na Quinta das Conchas. As organizadoras do Bloggers Camp decidiram convidar quem quisesse a aparecer num lanche com bolos e chá caseiros. Foi aí que conheci a Joana Clara, a Andreia e a Margarida e percebi que o encontro só podia ser melhor do que eu imaginara.

No dia três de junho acordei cedo, para variar, tomei o pequeno-almoço no mac do Chiado e foi ver-me a andar perdida pelas ruas à procura da porta do ponto de encontro, o Lisb.on Hostel. Como sou obcecada com chegar sempre a horas, quando encontrei a Catarina Alves de Sousa do Joan of July (e as suas partners in crime numa correria) só estava acompanhada da Lisete, uma miúda espevitada que veio de Dublin de propósito.

bloggers-camp-2017-17

As 1.ªs conversas | ph. Catarina Alves de Sousa

Demorou pouco até o hall estar suficientemente cheio para subirmos e nos concentrarmos numa sala a conversar enquanto esperávamos. Devo dizer que, obviamente, nos fartámos de tirar fotografias, porque é isso que pessoas com blogues normalmente fazem, fotografar tudo o que nos chama remotamente à atenção. Como o terraço, que tinha uma vista de fazer ‘cair o queixo’.

Antes de almoçarmos, conheci finalmente a Jiji que faz parte do grupo do Off Sight e o Nuno que é incrivelmente generoso e que um dia passou pelo menos uma hora a falar comigo por telefone para me tentar ajudar com um problema no tema do meu blogue. Provavelmente das pessoas mais incríveis com quem me cruzei por causa disto de gostar de mandar umas postas de pescada quando me dá na telha.

Refeições

O almoço de sábado, como todas as outras refeições, decorreu na sala ‘para comer’ do Lisb.on Hostel. O cozinheiro foi o Francisco, o irmão da Catarina Alves de Sousa. Para ser sincera já nem me lembro da ordem dos menus, porque estive sempre mais preocupada em tagarelar, mas recordo-me perfeitamente de uma quiche deliciosa, de um wrap recheado com feijão e das espetadas de fruta. Juro que nunca comi de forma tão saudável como naquele fim de semana.

bloggers-camp-2017-joana-sousa-jiji (10)

Espetadas de fruta | ph. Joana Sousa

Bem, talvez não tão saudável assim, porque foi impossível resistir aos doces da Lídia do L Cake, que ficou responsável por nos fornecer energia durante o resto do tempo. Eu estive quase sempre de volta dos suspiros e, oh, o que o que eu dava por mais um brownie…

bloggers_camp_margaridapestana_suspiros

Suspiros | ph. Margarida Pestana

Workshops

A Susana Rodrigues, da Bless, ficou responsável pelo nosso primeiro workshop sobre Personal Branding: Como criar uma marca digital poderosa. Hoje em dia, ter uma marca pessoal forte, tanto on como offline, é extremamente importante para sermos bem sucedidos. Estamos a falar daquilo que nos representa pessoal e profissionalmente e que nos distingue de todas as outras pessoas do mundo.

O que mais me interessou, para além da utilidade óbvia para nos ajudar a tomar um rumo coerente nos nossos blogues, foi a pertinência da marca pessoal em todas as esferas da nossa vida. Pensarmos em que tipo de imagem estamos a passar pode ser extremamente assustador, mas é um exercício que devemos fazer mais vezes do que estamos habituados.

bloggers-camp-2017-58

Susana Rodrigues | ph. Catarina Alves de Sousa

Depois de descobrirmos o que temos para oferecer de único, podemos mostrar-nos de muitas formas e, embora o vídeo seja apenas uma das ferramentas, é daquelas criativas que pode mesmo fazer a diferença. Por isso é que também fomos agraciados com a presença da Ana Marta, um dos membros dos New Age Creators, e provavelmente uma das melhores storytellers que conheço.

Embora já tenha alguma prática em edição de vídeo, uma vez que passei uma parte considerável da minha licenciatura nos estúdios de edição da faculdade, foi muito proveitoso conhecer um programa de edição diferente e receber umas dicas de quem sabe transmitir mensagens com um forte cunho pessoal.

bloggers_camp_joanofjuly_anamarta

Ana Marta | ph. Catarina Alves de Sousa

Por outro lado, mesmo antes disto de andarmos a ‘brincar’ com o audiovisual, as Catarinas e a Ana, vulgo os génios por detrás do Bloggers Camp, estiveram a conversar connosco sobre os 3Bs: Blog, Brand and Business.

Para além de nos mostrarem exemplos nacionais e internacionais de bloggers que conseguiram, precisamente através do blogue, criar uma marca, deixaram sobretudo que partilhássemos entre nós o que é ter um blogue de sucesso e como podemos utilizá-lo para divulgar o nosso trabalho ou para lançar um produto/serviço.

Para mim, por exemplo, um blogue de sucesso, mede-se menos pelas visualizações e seguidores e mais pelos comentários, partilhas e impacto real das publicações, de que obviamente só temos ideia porque, em comentários e partilhas, há quem deixe o seu agradecimento por uma ou outra razão.

Não sou de todo um blogue de sucesso, muito longe disso, mas conheci muitos blogues que considero serem de sucesso, graças ao BC. Embora já tenha referido o Lolly Taste, volto a destacá-lo, porque se tornou um dos meus blogues preferidos. Eu não conhecia a Vânia e tornei-me absolutamente fã da sua voz, não só em presença, mas também na blogosfera.

Apresentações

Logo depois do almoço de sábado, estivemos no terraço do Lisb.on Hostel a ouvir a história dos Sapatos Namorar Portugal, que nasceram da paixão pelas tradições, pela família, pelo Amor e, claro, pelo calçado português. Diz-se que são os sapatos mais apaixonados do mundo e cada um tem o nome de uma flor. Todos juntos são um jardim de mensagens bordadas e pintadas à mão com motivos tradicionais de Vila Verde.

bloggers-camp-2017-sapatos-namorar-portugal

Apresentação Sapatos Namorar Portugal | ph. Catarina Alves de Sousa

Confesso que babei assim que vi os ténis, ou as sapatilhas como dizem lá em cima. Mas todos os modelos são únicos e fascinantes. Há para todos os gostos, para homem e para mulher e até um par especial para os noivos oferecerem às noivas.

Um dos momentos de que mais gostei no BC, confesso, foi a apresentação do projecto Calm e da revista Calm portuguesa. Obviamente pelo conceito de promoção do mindfulness e da criatividade como partes essenciais de um estilo de vida pleno, em comunhão connosco, com os outros e com a natureza, numa revista que é bem mais do que apenas umas folhas para ler uma vez e perder algures (terei de vos explicar mais tarde o porquê, numa publicação exclusivamente dedicada à 2.ª edição da revista). Mas sobretudo porque a Sara Afonso, a diretora da Calm, esteve realmente connosco, não apenas nesse momento, mas durante todo o fim de semana e fez questão de escrever mensagens personalizadas para cada um de nós e, portanto, de nos mostrar (conscientemente ou não) o que é ser uma pessoa plena, o que é saber estar disponível e absorver o que nos rodeia, ser feliz e fazer os outros felizes. Obrigada mais uma vez.

Bloggers Pitch e as pessoas incríveis 

Por último, tenho de salientar o BT como outro dos momentos altos. Como já disse, até chorei baba e ranho com um dos discursos (e estive à beira de o repetir em, pelo menos, mais um). Ninguém estava com muita vontade de ir para a ‘luz da ribalta’, mas acabámos por ouvir histórias e partilhar ideias para colaborações que nos aqueceram o coração e reafirmaram o que já todos tínhamos vindo a perceber, que sorte ou não estiveram reunidas pessoas muito especiais e generosas.

No meio de 40 pessoas, é óbvio que não consegui conectar-me com toda a gente e lamento por quem ficar de fora, mas a verdade é que há muitas pessoas de que ainda não vos falei que merecem a minha e a vossa atenção. A incrível Madalena Vidigal, que é especialista em vinhos e escreve sobre o fascinante mundo do enoturismo no Entre Vinhas. A Andreia Moita que é uma festa em pessoa, sempre a sorrir e a partilhar uma energia quente, de quem quer muito ser feliz e ajudar os outros a encontrar sempre o lado positivo. A Filipa Maia que é tão zen que é impossível stressar ao pé dela e que pretende inspirar com o seu Deixa Ser.

bc_filipa_maia_mp

Filipa Maia | ph. Margarida Pestana

A Diane, do Ukuhamba, que foi das primeiras pessoas com quem falei imenso tempo e que se me afigurou logo uma mulher muito ciente de si, do que vale e daquilo que os outros valem, muito honesta e justa. A Sílvia, d’O Dia da Liberdade, que é sábia e amiga e com quem quero continuar a partilhar muitos bons momentos. A Ana Monteiro, do 2Beleza, que é tão simpática como parece nos seus vídeos e que acredita que a atenção que damos ao nosso exterior deve ser entendida como uma forma de refletir por fora o que já somos por dentro.

bloggers-camp-2017-ana_monteiro

Ana Monteiro | ph. Catarina Alves de Sousa

A Maria Joana, do Limited Edition, que finalmente conseguiu com que eu começasse a seguir um blogue sobre cozinha. À Mariana, do It’s Ok, que sem saber falou muito comigo, porque pode ser discreta, mas o seu talento vê-se a milhas. E à Evódia, do para breve Afropolitana, decorem o nome, porque é uma das mulheres mais carismáticas, humildes e inspiradoras que se pode conhecer.

bloggers-camp-2017-joana-sousa-jiji-evódia

Evódia | ph. Joana Sousa

É isto. Mais de 1000 palavras depois chego ao fim. Não há, contudo, palavras suficientes para descrever o que vivemos. Felizmente, para o ano há mais. Contamos contigo?